Ana Furtado faz tratamento para evitar a queda dos cabelos

Ana Furtado faz tratamento para evitar a queda dos cabelos

A apresentadora Ana Furtado, que anunciou recentemente ter sido diagnosticada com um câncer de mama, está fazendo um tratamento capilar para evitar a queda dos cabelos em decorrência da

Leia tudo

A apresentadora Ana Furtado, que anunciou recentemente ter sido diagnosticada com um câncer de mama, está fazendo um tratamento capilar para evitar a queda dos cabelos em decorrência da quimioterapia.

Nesta terça-feira, 12, a artista atualizou seu perfil nas plataformas digitais para atualizar seus seguidores sobre seu quadro clínico e aproveitou para revelar o método que evita a perda dos fios.


“Ontem fiz minha segunda sessão de quimioterapia. E a sensação é de que essa foi menos difícil do que a primeira”, diz Ana, que é casada com o diretor da TV Globo, Boninho.


Parceiro, amigo, namorado, marido, pai da minha filha, amor da minha vida! ❤️ Feliz dia!

A post shared by Ana Furtado (@aanafurtado) on Jun 12, 2018 at 12:37pm PDT

Selo Facilite
Mulheres com câncer de mama podem evitar quimioterapia

“Volto a dividir detalhes com vocês porque, ao mesmo tempo em que me fortaleço com as palavras de carinho que recebo, acredito que posso também encorajar pessoas que estejam passando por situações tão difíceis quanto o diagnóstico de um câncer”, continuou a famosa.

Sobre o tratamento capilar, ela disse: “Na foto, estou sendo preparada para a crioterapia. Trata-se de uma técnica que utiliza uma touca recheada com gel térmico, atingindo temperaturas negativas (-10º, no meu caso)”.

“Esse resfriamento no couro cabeludo é muito doloroso, mas reduz a quantidade de quimioterápicos que chegam até os bulbos capilares, diminuindo a queda de cabelos”, afirmou.

“Antes, é preciso encharcar a cabeça para depois colocar a touca. Foram 4 horas e meia com o equipamento na cabeça: meia hora antes do início da quimio e 2 horas após o término dela. É difícil, mas até agora, eficiente. Só tenho a agradecer a todos os médicos pelas orientações, apoio e carinho comigo”, explicou Ana Furtado.


Ontem fiz minha segunda sessão de quimioterapia. E a sensação é de que essa foi menos difícil do que a primeira. Volto a dividir detalhes com vocês porque, ao mesmo tempo em que me fortaleço com as palavras de carinho que recebo, acredito que posso também encorajar pessoas que estejam passando por situações tão difíceis quanto o diagnóstico de um câncer. Na foto, estou sendo preparada para a crioterapia. Trata-se de uma técnica que utiliza uma touca recheada com gel térmico, atingindo temperaturas negativas (-10º, no meu caso). Esse resfriamento no couro cabeludo é muito doloroso, mas reduz a quantidade de quimioterápicos que chegam até os bulbos capilares, diminuindo a queda de cabelos. Antes, é preciso encharcar a cabeça para depois colocar a touca. Foram 4 horas e meia com o equipamento na cabeça: meia hora antes do início da quimio e 2 horas após o término dela. É difícil, mas, até agora, eficiente. Só tenho a agradecer a todos os médicos pelas orientações, apoio e carinho comigo.????

A post shared by Ana Furtado (@aanafurtado) on Jun 12, 2018 at 8:02am PDT

Desde que tornou pública sua luta contra um câncer de mama no dia 27 de maio, através de uma publicação nas redes sociais, Ana Furtado tem mostrado ser uma mulher de fibras, que não se deixou abater pela descoberta da doença.

Recentemente, inclusive, a apresentadora postou um vídeo em que aparece "pegando pesado" nos exercícios de musculação, mostrando que mesmo após o diagnóstico, continua mantendo sua rotina normalmente.